Correção postural para crianças

Parece assunto de adulto, mas os primeiros problemas relacionados à postura começam a aparecer logo na infância, quando as dimensões do mobiliário da sala de aula ou de casa, o peso da mochila e outros fatores do dia a dia afetam diretamente o bom alinhamento do corpo.
Para preservar uma postura adequada, família e escola devem ficar atentos. Mas em alguns casos, faz-se necessária a intervenção de um profissional para fazer uma avaliação física e procedimentos que promovam a correção postural.
A compreensão do funcionamento do próprio corpo é crucial para que a criança comece a ter essa consciência. É preciso que ela, os pais e professores entendam que evitar a má postura previne vários distúrbios nos músculos e articulações. Para isso, o profissional de educação física ou fisioterapeuta podem orientar a:
– Evitar que os ombros e a cabeça sejam projetados para a frente;
– Prevenir e não deixar evoluir a escoliose (curvatura da coluna para a lateral) ou cifose (coluna arqueada, corcunda);
– Escolher, adaptar e utilizar a cadeira adequada e a melhor posição do caderno ou computador;
– Praticar exercícios específicos e preventivos para a coluna;
– Evitar excesso de peso e posições inadequadas.
Por fim, o profissional pode ensinar, na prática, conceitos importantes sobre ergonomia que acompanharão o estudante por toda a vida.

Matriz
Blumenau
Curitiba
Atendimento através de agendamento
Criação de sites por Vale da Web