Exercício físico na gestação, pode?

Quando se está gerando uma vida, há muitas dúvidas sobre a segurança de realizar exercícios físicos. A ótima notícia é que com a exceção de casos de risco, praticar exercícios é sim recomendado durante a gravidez.

O primeiro benefício que se pode destacar é a promoção da saúde, uma vez que exercitar-se ajuda não apenas no controle de peso, mas também na prevenção de diabetes gestacional. Além disso, as atividades físicas ajudam a fortalecer a musculatura, que será exigida da mãe durante a gestação por causa do peso extra na barriga, e também durante a amamentação. Gestantes que se exercitam costumam se queixar menos de dores musculares e articulares.

QUANDO O EXERCÍCIO FÍSICO NA GESTAÇÃO EXIGE CAUTELA

Antes de iniciar ou até mesmo manter qualquer rotina de treino, é fundamental que a mulher primeiro converse com seu médico para que ele aprove a prática. No caso de gestantes com algum problema de saúde, que apresente sangramentos ou cujo feto não esteja se desenvolvendo adequadamente, os exercícios são contraindicados.

Também é preciso cuidado especial nos casos de gestantes com o colo uterino encurtado precocemente, fato que pode ser detectado no ultrassom. O período em que se deve estar mais atento a isso é em torno de 20 a 22 semanas de gestação, o que pode indicar risco de parto prematuro.

BENEFÍCIOS DO EXERCÍCIO FÍSICO NA GRAVIDEZ

Além de benefícios físicos, como atuar de forma preventiva contra a diabetes gestacional, a atividade física também traz benefício mental para a futura mamãe, pois pode evitar o desenvolvimento de depressão pós parto.

Também, as grávidas que se exercitam aumentam suas chances de sucesso do parto normal. Pois apresentam a vantagem de ter maior elasticidade, o que facilita o parto natural quando ele for possível. 

A musculação, por exemplo, garante o fortalecimento muscular da futura mãe prevenindo desvios e amenizando desconfortos posturais e articulares que podem ocorrer por consequência do crescimento e peso da barriga. Sem contar, que os exercícios de força prepararão a mamãe para sua futura rotina, como: segurar seu bebê no colo, tirá-lo do berço, coloca-lo no trocador e tudo mais, sem maiores desconfortos. 

  QUAL O MELHOR TREINO PARA A GESTANTE?

No programa de exercícios podem entrar os aeróbicos (caminhada, hidro…), os de fortalecimento (musculação, pilates…), bem como alongamento e modalidades a exemplo da ioga. Nenhum é melhor ou pior, o importante é a gestante praticar aquilo que ela sente prazer e tranquilidade em realizar.  Mas tão importante quanto não ficar parada é ter supervisão. O exercício deve ser preferencialmente prescrito, ministrado e orientado por um profissional de educação física. 

Posts Recentes

Siga-nos

Matriz
Blumenau
Curitiba
Atendimento através de agendamento
Criação de sites por Vale da Web